Sangue seco

"Ao saírem, encontraram um cireneu, chamado Simão, a quem obrigaram a carregar-lhe a cruz.” (Mateus 27.32) A cruz fedia. O cheiro da madeira se misturava ao sangue ressecado. Os guardas romanos exigiram, sob ameaça, que eu ajudasse a levar a cruz do Nazareno tumultuador, que se dizia O Messias, o libertador prometido de Israel. A cruz … Continue lendo Sangue seco

Publicidade

Malfeitores

(microconto) Havia tristeza e ódio na colina do Calvário. Fé e incredulidade inundavam os corações. As trevas enchiam os céus e o sol parecia esconder-se .– Não é tu o Cristo? Salva-te a ti mesmo e a nós também! – vociferava um dos malfeitores crucificados. Ante a dor dos pregos, a incredulidade o vencia, blasfemava. … Continue lendo Malfeitores