11 citações de G. K. Chesterton sobre Arte e Literatura

Além de brilhante jornalista e ensaísta, entre as qualidades de Chesterton estavam a de artista e de escritor de clássicos. Seu amor pela arte vem de berço. Seu pai sempre fazia desenhos e fantoches. Foi daí que Chesterton tornou-se um desenhista e admirador das artes. Também veio de berço seu amor pela Literatura. Foi ensaista, novelista, contista, jornalista, poeta e apologista cristão, G. K. Chesterton (1874-1936) publicou mais de cem obras durante a vida, mas ficou mais conhecido por suas novelas de mistério, com o inesquecível “Padre Brown” e por “Ortodoxia”, o clássico da apologética cristã do século XX. Aos 17 anos, fundou com seus amigos um grupo para estudar e debater literatura. O Junior Debating Club, como ficou conhecido, era uma de suas alegrias na juventude.
Seguem 11 pensamentos dele sobre Arte e Literatura.

“A arte é a assinatura do homem.”

“Arte, como a moralidade, consiste em traçar uma linha em algum lugar.”

“A decadência da sociedade é louvada pelos artistas assim como a decadência de um defunto é louvada pelos vermes.”

“O temperamento artístico é uma doença que aflige os amadores.”

“Os selvagens e os artistas são igual e estranhamente levados a criarem algo mais feio que eles mesmos. Mas, os artistas acham a tarefa mais difícil.”

“A decoração do mundo não é trabalho da natureza, mas um trabalho de arte, assim, ele envolve um artista.”

“Por uma curiosa confusão, muitos críticos modernos passaram da proposição de que uma obra-prima pode ser impopular para a outra proposição de que, a menos que seja impopular, ela não é uma obra-prima.”

“E em todo o mundo, a velha literatura, a literatura popular, permanece a mesma. Ela consiste de muita tristeza digna e de muito divertimento indigno. Suas tristes lendas são de corações partidos; suas lendas alegres são de cabeças partidas.”

“As palavras de uma boa prosa significam o que elas dizem. As palavras de uma boa poesia significam o que elas não dizem.”

“A grande literatura é como a vida. Não porque se atenha às folhas na árvore, ao traçado do tapete e às palavras que os homens realmente empregam; ela é como a vida porque carrega em si a energia exuberante da vida, sua força de produção, seu senso de esperança e memória, sua consciência de uma vitalidade quase imortal. A grande literatura, em resumo, é como a vida porque também é viver.”

“A boa literatura pode nos revelar a inteligência de um homem; mas a má literatura nos mostra a inteligência de muitos homens.”

Fonte: https://www.sociedadechestertonbrasil.org/11-citacoes-de-chesterton-sobre-arte-e-literatura/

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s